Uma declaração polêmica da cantora Gaby Amarantos tem dado o que falar nas redes sociais nas últimas horas. A artista paraense concedeu entrevista para a coluna de Mônica Bergamo, publicada neste domingo (1/12), na Folha de S. Paulo.  A   cantora, que celebra a marca de cerca de um milhão de visualizações no Youtube em “Xanalá”, tem reafirmado cada vez mais o discurso libertário para as mulheres.

Durante a entrevista, ela não poupou na ousadia e afirmou:“Eu sou uma mulher de xerecão, eu tenho tudo grande, eu sou grande. Eu tenho bundão, pernão, bração. Já tive problemas com isso, hoje me adoro como eu sou, fora do padrão”, disse a artista. 

Ainda durante a entrevista, ela fez questão de falar sobre seu novo trabalho. “Eu queria falar do prazer feminino, não só da xana mas de todo esse território, queria falar da sexualidade feminina de uma forma mais livre”, explicou a artista, que no clipe aparece cercada de vaginas, desde o cenário ao figurino. 

“A gente tem vários formatos de xana, várias cores de pele, várias texturas diferentes, então no clipe a gente tomou muito cuidado para que todas as mulheres —ou a maioria delas— olhassem e dissessem ‘a minha tá ali’, ‘aquela ali é a minha’, ‘a minha é a da direita", declarou Gaby, que já deixou claro a vontade de gravar um disco falando apenas sobre esse tema.

LEIA MAIS: Sem coveiro, familiares cavam buraco em cemitério para enterrar criança de dois anos na Bahia; assista

Acompanhe nossas transmissões ao vivo e conteúdos exclusivos no www.aratuon.com.br/aovivo. Nos mande uma mensagem pelo WhatsApp: (71) 99986-0003.